fbpx

Provas de aferição: 6 Formas de ajudar o seu filho no estudo 

provas de aferição

As provas de aferição são instrumentos aplicados há alguns anos nas escolas portuguesas cujos resultados não são contabilizados para as notas dos alunos. O objetivo é aferir o nível de aprendizagem das crianças e adolescentes que integram o Ensino Básico. A sua aplicabilidade foi definida a meio de cada um dos ciclos: todos os alunos do 2º, 5º e 8º anos realizam as provas.  

Esta estratégia de aferição foi introduzida com o objetivo de identificar lacunas de aprendizagem e corrigi-las antes do fim de cada um dos ciclos. O atual modelo de provas de aferição sucedeu ao fim dos exames nacionais do 4º e 6º anos. Segundo o Ministério da Educação, o objetivo é dar primazia às aprendizagens e não à preparação para os exames finais. 

Cada prova origina um relatório individual do aluno, destacando os pontos positivos e aqueles a melhorar no futuro. Além disso, este modelo de provas de aferição prevê a aplicação a outras disciplinas além da Matemática e do Português. 

 

6 Estratégias para ajudar na preparação para as provas de aferição

 

Como as provas de aferição não contam para a nota, normalmente a postura dos alunos para estes testes é mais relaxada. Muitos dedicam-se pouco ao estudo. No entanto, é importante fazer-lhes entender que este momento é fundamental para avaliar as aprendizagens que a escola lhes proporciona. 

Desse modo, vamos dar-lhe algumas dicas para ajudar os seus filhos a prepararem-se para as provas de aferição. 

 

1. Promova um método de estudo regular

O sucesso escolar de um aluno depende em boa parte do seu método de estudo. Estar atento ao modo como o seu filho organiza o trabalho escolar é muito importante. Para isso, estimule a criança para um estudo regular e organizado. Tenha o hábito de consultar os cadernos e os livros de modo a indicar-lhe que está atento. Tudo isto vai facilitar o trabalho do aluno nos períodos de testes, exames e provas de aferição. 

 

2. Ajude o seu filho a fazer um calendário escolar  

Os calendários escolares são fundamentais para a criança organizar o seu estudo. Colocá-lo num local visível onde possa ser facilmente consultado dá bons resultados. Assim, pode ter as datas dos testes, provas de aferição e exames apontadas, sendo mais fácil para ele organizar-se no estudo. 

Se o seu filho ainda está no primeiro ciclo, este é o momento ideal para introduzir este hábito na rotina. Aposte num calendário com um design apelativo para a criança. 

 

3. Estimule o comprometimento do aluno para estas provas

O facto de as provas de aferição não contarem para a avaliação leva os alunos a empenharem-se pouco na preparação. O papel dos pais é fazer com que os filhos se comprometam em estudar como se fosse para um teste ou exame. Isto porque o resultado da prova é importante para perceber como as aprendizagens estão a decorrer. Os métodos pedagógicos poderão ser readaptados mediante as informações recolhidas acerca das disciplinas em aferição. 

 

4. Consulte as provas de aferição dos anos anteriores

É possível consultar as provas de aferição de anos anteriores. Este é um ótimo método de preparação e estudo. Permite ao estudante ambientar-se com o tipo de linguagem e com os exercícios usados. Mais tarde, estes conhecimentos serão muito úteis na realização dos exames finais do 9º ano e do Secundário. 

 

5. Garanta boas condições de descanso para a criança

Se por um lado deve estimular o comprometimento do seu filho para as provas de aferição, por outro não deve colocar-lhe demasiada pressão. O tempo de estudo deve ser razoável, com as pausas e o descanso necessário. 

Obrigar o aluno a estar demasiado tempo à volta dos livros pode ter o efeito oposto. O ideal é garantir condições para que o estudo seja o mais rentável possível, de forma a que a rotina do aluno não seja muito afetada. 

 

6. Apoie a criança no estudo

O acompanhamento dos pais no estudo dos filhos é muito importante para o sucesso escolar. Dar o apoio adequado significa estimular a autonomia da criança ou do adolescente perante as tarefas escolares. 

Relativamente à preparação para as provas de aferição, o acompanhamento dos pais pode ser muito útil para esclarecer dúvidas. Por outro lado, é também uma boa forma de fortalecer a autoconfiança do seu filho e prepará-lo para avaliações futuras. 

 

Quer ter acesso a mais dicas para garantir o sucesso escolar do seu filho? Subscreva o nosso blog onde encontrará várias temáticas sobre educação e pedagogia. 

 


 

Deixe uma resposta