fbpx

Como adaptamos o regresso às aulas à pandemia de COVID-19? 

regresso às aulas + COVID-19

Setembro marcou, como é habitual, o regresso às aulas. No entanto, devido à COVID-19, há pouco de ordinário no início deste novo ano escolar 

No decurso da pandemia, os pais têm assumido um papel fundamental em tranquilizar os filhos face aos receios e ansiedades que, naturalmente, vão surgindo. A par da habitual preparação do regresso às aulas, coube também aos encarregados de educação a tarefa de ensinar às suas crianças comportamentos que as ajudarão a manter o vírus afastado 

Por sua vez, compete à escola promover um ambiente educativo propício à assimilação de conhecimentos e ao desenvolvimento saudável dos alunos. No regresso às aulas deste ano, as instituições de ensino têm a responsabilidade acrescida de proteger a comunidade escolar do contágio por COVID-19.   

 

O ajustamento da escola a uma nova realidade

 

No Externato Champagnat estamos cientes de que o ano letivo 2020/21 será repleto de desafios e requer medidas extraordinárias para que tudo corra da melhor forma, sem comprometer as aprendizagens essenciais em todos os níveis de ensino. 

Os últimos meses ajudaram-nos a compreender melhor o contexto geral da pandemia e as especificidades da COVID-19. Isto, a par com as diretrizes da DGERT e da DGS, permitiu-nos elaborar um protocolo de ação para um retorno em segurança. 

Na nossa escola, o regresso às aulas aconteceu em regime presencialsendo o regime misto aplicado, excecionalmente, aos alunos do 3º ciclo. A transição generalizada para um regime misto ou mesmo não presencial poderá ser avaliada no futuro, em função da evolução da situação sanitária. 

 

Regresso às aulas seguro com novas regras preventivas da COVID-19

 

Focado na prevenção da COVID-19, o plano do Externato Champagnat para este regresso às aulas tem as questões sanitárias no topo das prioridades. Apresenta as necessárias adaptações às rotinas escolares, que serão continuamente monitorizadas pelo nosso Conselho Pedagógico. 

Trata-se de uma estratégia dinâmica que poderá ser reformulada em função do desenvolvimento da pandemia e de futuras orientações das entidades competentes.  

 

O que mudou na nossa escola?

 

  • Interdição do acesso de pessoas externas à escola

Prevê-se que as instalações da escola sejam frequentadas apenas pelos alunos e corpo docente e não docente. Este ano, a sempre estimada comunicação com os encarregados de educação ocorre pela via digital, através de email ou de plataformas tecnológicas. Também todos os contactos com os serviços administrativos do Externato se realizam por email. 

 

  • Entrada e saída dos alunos

Ao longo do ano, as crianças entram (e saem) sozinhas na escola, com exceção dos meninos do pré-escolarque serão acompanhados pelos pais ao respetivo edifício escolar. 

Ao entrarem na escola, limpam os sapatos no tapete desinfetantemedem a febre e desinfetam as mãos. Crianças com febre não poderão permanecer na escola. 

 

  • Proteção individual

Os funcionários dispõem de equipamento de proteção individual e é-lhes medida a temperatura corporal duas vezes ao dia. Por toda a escola existem dispensadores de gel desinfetante e as salas dispõem de lavatório e sabão líquido, bem como de toalhetes e lenços de assoar descartáveis.  

uso de máscara é obrigatório para toda a comunidade escolar, exceto para os alunos do pré-escolar e do 1º ciclo. 

 

  • Limpeza e arejamento dos espaços

É realizada a limpeza diária de todos os equipamentos, bem como a desinfeção de superfícies e objetos após cada utilização. É privilegiado o uso individual dos materiais e é proibido trazer objetos de casa, nomeadamente consolas e telemóveis. 

Sempre que possível, as portas e janelas das salas estão abertas para arejamento. O ar condicionado não é ligado em modo de recirculação de ar.  

 

  • Utilização e circulação nos espaços

São utilizados os amplos espaços exteriores do Externato para a realização de atividades, sempre que tal é possível. Os alunos estão organizados em grupos e a sua circulação dentro das instalações é feita por forma a evitar cruzamentos e promover o distanciamento recomendado. 

Nas salas de aulas, cada aluno tem um lugar individual fixo e todas as mesas estão voltadas na mesma direção. Os diferentes grupos de alunos frequentam o refeitório em horários desencontrados. 

Foram criadas regras para uma utilização segura das instalações sanitárias, bem como dos espaços destinados a atividades específicas, como a biblioteca, laboratórios, ginásios, etc. 

 

  • Plataformas digitais no dia a dia escolar

O Externato Champagnat continua a fazer uso de diferentes plataformas tecnológicas, com as quais alunos e professores já estão familiarizados: o Teams da Microsoft, o programa de gestão de alunos Inovar, a Escola Virtual e a plataforma Moodle. 

Para o regime não presencial, será privilegiado o uso do Teams, que constitui também um recurso de apoio ao processo de ensino e aprendizagem no regime presencial.  

 

  • Suspensão das festas e passeios escolares

A realização dos eventos que habitualmente levamos a cabo está dependente da evolução da pandemia e das orientações por parte das entidades competentes. 

 

Além das medidas preventivas enumeradas acima, foi criado um plano de contingência, que prevê como atuar caso algum elemento da comunidade escolar apresente sintomas de COVID-19. 

 

No Externato Champagnat, comprometemo-nos com o reforço das medidas de higiene e segurança, mas também com a promoção de um ambiente que nunca será estéril de afetos. Acreditamos que, com a cooperação de todos, ultrapassaremos esta situação atípica que marcou o regresso às aulas este ano. 

Se deseja inscrever o seu filho neste ano escolar ou obter mais informações, deixe-nos os seus dados para ser contactado pela nossa equipa o mais brevemente possível! 

 

QUERO INSCREVER O MEU FILHO

 

Deixe uma resposta