fbpx

Regresso às aulas: 7 Dicas para preparar o material escolar!

Regresso às aulas

O regresso às aulas gera sempre alguma azáfama. Após as férias, as famílias querem ter tudo a postos para o novo ano letivo e garantir uma entrada tranquila e sem sobressaltos.

Nas crianças, surge por vezes alguma ansiedade, provocava pela mudança de ano e, eventualmente, de ciclo, de escola ou de colegas de sala. Nos pais, surgem também algumas dúvidas relativamente ao material escolar: livros, mochila, cadernos, canetas, entre outros.

Neste artigo, damos-lhe algumas dicas para preparar o material de que o seu filho necessitará para o regresso às aulas. Esta orientação permitir-lhe-á entrar no novo ano com tudo o que é necessário e sem desperdício.

 

7 Passos para preparar o material escolar antes do regresso às aulas

 

1. Consulte a lista de material escolar recomendado

Normalmente, antes do regresso às aulas, as escolas disponibilizam listas do material necessário para cada ciclo de estudos. Assim, até ao início das aulas, é possível adquirir quase tudo. Porém, não se preocupe se no arranque da escola ainda não tiver o material todo e quiser tirar alguma dúvida com os professores. O essencial para começar é um caderno e um estojo.

 

2. Verifique o material que sobrou do ano anterior

Antes do regresso às aulas, verifique o material que sobrou do ano letivo anterior. Risque aquilo que não precisa de comprar e reutilize o que estiver em bom estado. Verá que consegue poupar bastante na fatura, ao mesmo tempo que incute no seu filho o princípio da poupança.

 

3. Informe-se sobre os manuais escolares

Uma boa parte da despesa é dedicada aos livros. No caso de o seu filho frequentar o ensino privado, a instituição educativa disponibiliza a lista de manuais para que os possa adquirir previamente. Se frequenta o ensino público e quiser usufruir dos manuais gratuitos, deve aceder à plataforma criada para o efeito, fazer o registo e obter os vouchers para poder levantar os livros.

 

4. Compre o material de que o seu filho efetivamente precisa

Após saber o que necessita de adquirir, pode comparar preços e comprar o material escolar nos locais onde lhe for mais conveniente. Aproveite os descontos e promoções que algumas superfícies fazem na altura do regresso às aulas. Quanto aos livros, o ideal é fazer a encomenda com alguma antecedência.

 

5. Tenha atenção às faturas do material escolar

Um aspeto que geralmente interessa muito aos pais é a dedução do IVA do material escolar em IRS. Tenha em atenção que as despesas neste âmbito taxadas a 23% não são dedutíveis como despesas de educação, mas sim como gerais e familiares. Antes do regresso às aulas, verifique sempre a taxa de IVA daquilo que pretende comprar.

 

6. Pondere relativamente à mochila

A mochila é, geralmente, o acessório que mais dúvidas gera na hora de comprar. Quer seja porque as crianças ambicionam uma marca específica ou por causa da relação qualidade-preço, gera-se por vezes alguma discórdia entre pais e filhos.

Antes de tudo, é importante verificar o estado da mochila do ano anterior. Caso seja necessário comprar, opte preferencialmente por uma mochila com as seguintes características:

  • Impermeável, para que, em dias de chuva, o material se mantenha protegido;
  • A nível ergonómico, deve adequar-se à criança ou jovem, de modo a prevenir problemas nas costas;
  • As mochilas tipo tróleisão aconselhadas para evitar que o peso do material seja carregado às costas. Contudo, ainda que sejam bastante cobiçadas pelas crianças, não são a escolha principal dos alunos mais velhos;
  • Certifique-se de que a mochila do seu filho é usada sempre com as duas alças, a fim de fazer uma boa distribuição do peso. Garanta ainda que é carregada à altura média das costase que apenas é transportado o material estritamente necessário.

 

 

7. Certifique-se de que a criança zela pelo material

Certifique-se de que o seu filho zela pelo bom estado do material escolar. Ao fazê-lo, estará a ensiná-lo a cuidar dos seus pertences, evitando que o material se estrague antes do final do ano letivo. Além disso, este cuidado permite que, no próximo ano, alguns acessórios possam ser reutilizados.

 

Com o regresso às aulas à porta, é importante implementar já os nossos conselhos e preparar o material escolar do seu filho. Em caso de dúvida, deve informar-se junto do estabelecimento de ensino da criança.

Quer receber no seu e-mail as atualizações do nosso blog? Subscreva-o agora e tenha acesso a conteúdos sobre educação, ensino, desenvolvimento infantil, adolescência, entre outros.

 


 

Deixe uma resposta