Recreio ao ar livre: Um espaço de aprendizagem!

recreio

O recreio da escola constitui um espaço único para o livre exercício do direito de brincar. As características dos espaços urbanos, pouco amigáveis para as crianças, e as exigências da vida familiar dificultam a desejável disponibilidade para proporcionar experiências enriquecedoras ao ar livre.

Se a escola é, por excelência, um lugar de socialização, o recreio é um espaço de encontro com o outro. É onde as crianças e adolescentes têm oportunidade de exercitar as suas competências sociais, confrontando-se com desafios que lhes permitem adquirir instrumentos fundamentais para o seu desenvolvimento pessoal, tais como o conhecimento do outro, a tomada de decisões e a resolução de problemas.

Os recreios dão aos alunos a oportunidade de brincar, de experimentar, de correr riscos e de aprender com os erros. Estas são experiências muitas vezes negadas por uma cultura de excesso de protecionismo e de aversão ao risco por parte dos adultos.

Não menos importante é estimular a atividade física. Combater o sedentarismo em que tão facilmente crianças e adolescentes caem, seduzidos pela inevitável atração que os jogos digitais suscitam. Um corpo ativo tem um papel fundamental no desenvolvimento cognitivo. Lembramos a famosa citação latina “Mens sana in corpore sano”, que nos ensina que um corpo são sustenta uma mente sã e vice-versa.

 

No Externato Champagnat, damos valor ao recreio e aos espaços exteriores!

Os recreios, entendidos como “espaço” e como “tempo”, fazem parte do processo educativo e, como tal, devem se valorizados. No Externato Champagnat, há muito que desejávamos intervir nos nossos espaços desportivos. Não para que fossem apenas campos de jogos, destinados aos que querem jogar, mas para que a sua funcionalidade permitisse a aproximação e convívio entre todos: os que jogam, os que observam, os que conversam e até os que privilegiam os seus interesses digitais.

Conseguimos concretizar este nosso projeto, inaugurando novos espaços com as características que desejávamos, no início deste ano letivo.
Os campos de jogos entrecruzam-se com as zonas de estar. Cada aluno escolhe o que quer fazer sem ter de se isolar do seu grupo. Ao mesmo tempo, aprende a respeitar o gosto e vontade do outro.

As expectativas do Externato Champagnat estão a ser cumpridas. Vemos os nossos alunos a ocuparem os espaços e a desfrutarem dos mesmos de acordo com os seus interesses. Sentem-se mais aliciados pelas atividades físicas, mantendo maior proximidade uns dos outros, o que só pode contribuir positivamente para o seu processo de socialização.

 

M.ª Odete Amaro
Direção Externato Champagnat

 



Deixe uma resposta